Escola profissional de Desenvolvimento Rural de Abrantes
A Folha Oferta de Emprego Legislação Notícias Links
geral@epdra.pt  241 870 020
A Escola Cursos Pré Inscrições Netescola E-learning Agenda Contactos
Onde Estou? Página Inicial » Escola » Projeto Ciência na Escola
História
Localização
Órgãos Diretivos e Cargos
Documentos Orientadores
Área Pedagógica
Alunos
Instalações
- Centro Escola
- Herdade da Murteira
Projectos
- Projeto Ciência na Escola
- Biblioteca Escolar
- Produção de cogumelos
Culturas instaladas
- Morangal da EPDRA
- Olival da EPDRA
Ementa
Projeto Ciência na Escola

 

Logo CFA
 

 DESENVOLVIDO NO ÂMBITO DO CONCURSO "CIÊNCIA NA ESCOLA", PATROCINADO PELA FUNDAÇÃO ILÍDIO PINHO


O objectivo deste projecto passa por salientar a ligação histórica de Abrantes ao azeite e pela disseminação dos mais recentes avanços tecnológicos e a fundamentação científica em que se baseiam, com objectivo último de valorização de um produto que constitui um dos expoentes da cultura mediterrânica: o azeite.

O olival, azeitona e o azeite e toda a tecnologia de produção e de extração que lhe está associada apresentam um enorme potencial para uma abordagem multidisciplinar e para uma aprendizagem significativa, por possibilitarem um contacto direto com a aplicação prática de muitos conceitos de áreas muito diversas do conhecimento científico. A EPDRA dispõe de infraestruturas que estão disponíveis para esse efeito, que têm servido como valências para a formação dos seus alunos e que importa potenciar com vista à promoção, divulgação e preservação de conhecimentos e práticas associadas tanto ao olival como ao azeite junto do público em geral e da população escolar em particular, contribuindo para formação de consumidores mais conscientes e esclarecidos.

Abrantes tem uma ligação histórica ao azeite. A EPDRA, situada em Mouriscas, é uma escola profissional pública. Ao longo dos últimos 25 formou centenas de jovens, sobretudo em áreas diretamente ligadas ao mundo rural. Possui olivais e lagar. Para muitos este permanece como um de local misterioso onde "se faz" o azeite, em que toda a sabedoria e arte são personificadas na figura omnipotente do "Mestre lagareiro". Importa desmistificar o processo de extracção do azeite, traduzindo para uma linguagem prática e acessível os processos físicos e químicos que lhe estão associados, e promovendo as práticas conducentes à obtenção e um produto de qualidade superior indissociável da cultura e da dieta mediterrânica, consciencializando para a vantagem do consumo de azeite azeite extra virgem. Divulgação e promoção das boas práticas em termos de manutenção do olival e sobretudo das técnicas de colheita, transporte e extracção do azeite.

Pretende-se com este projecto, a criação de um "Circuito do azeite: do olival à mesa", tirando partido do facto de a EPDRA possuir dois olivais e um lagar com sistema tradicional e sistema contínuo pretende-se a criação de um percurso temático sobre o azeite. Publicação de uma manual técnico com os mais recentes avanços tecnológicos no que ao olival e ao azeite diz respeito, com uma abordagem multidisciplinar, facto que se encontra facilitado uma vez que para falarmos de olival, azeitona, lagar e azeite temos de mobilizar conhecimentos de áreas de conhecimento como a botânica, química, matemática, mecânica entre outras. Realização de provas de azeite com inquérito, confrontado alunos que frequentem os refeitórios escolares com amostras de azeite de qualidade díspar e solicitando o preenchimento de fichas de prova simplificada para promover o consumo de azeite em geral e de azeite de qualidade me particular.

  O manual produzido no âmbito deste projeto pode ser visualizado aqui. LINK